sexta-feira, 31 de outubro de 2008



Cauã Reymond fala sobre aliança de compromisso com Grazi Massafera
Ator assume que se preocupa com detalhes para evitar boatos envolvendo o casal
Para evitar os comentários maldosos que sempre surgem quando alguém do casal aparece sem a aliança de compromisso, o ator Cauã Reymond decidiu manter sempre visível o anel em sua mão esquerda:

“Faz quatro meses que estou usando essa aliança e procuro sempre não esquecê-la em casa. As pessoas sempre inventam coisas quando o homem ou a mulher deixam de usar o anel. Por isso acho importante manter avisado que estou num momento ótimo do meu relacionamento”, explicou Cauã que namora firme a atriz Grazi Massafera. Sobre o desempenho da namorada que atualmente está no ar como protagonista da novela ‘Negócio da China’, Cauã abre um sorriso e não economiza elogios: “Ela está muito linda na novela, indo super bem. A gente conversa bastante sobre o trabalho e ela tem elogiado bastante o texto do Miguel e o andamento da trama. Resumindo, está maravilhosa”, comentou.

. Veja as fotos da cerimônia de formatura de Cauã Reymond .


Mudança de hábitos Segundo declarações do próprio Cauã, desde que começaram as gravações da novela ‘A Favorita’, onde interpreta o descolado Halley, ele já perdeu cerca de 4kg e a mudança no seu visual já é observada pelas fãs: “Tem muita gente me acha bonito e vem com essa história toda de símbolo sexual e quando vê de perto, diz mesmo que eu estou magrinho. Realmente perdi alguns quilos por causa da novela, mas a saúde está ótima".
Longe das praias e das ondas, Cauã está dedicando o seu tempo ao estudo de seu personagem: “Tenho ficado muito em casa e surfado pouco. O Halley toma grande parte do meu tempo e por enquanto o surfe está ficando um pouco de lado”, comentou.



Cauã Reymond se forma no jiu jitsu e ganha diploma
Agora o ator é faixa preta no esporte
A cerimônia de entrega do diploma de faixa preta no jiu jitsu para o ator Cauã Raymond aconteceu na noite desta quinta-feira 30, durante um encontro entre o aluno celebridade e seus colegas de tatâme."Estou feliz por rever meus amigos e sentir novamente esse clima de sacanagem que rolava entre a gente durante as aulas", comentou.

Ego

terça-feira, 28 de outubro de 2008


Emoção em nome do filho após tragédia Grávida de Halley e mãe de Kauã


morto por bala perdida, Helen recebe o carinho de ídolo global
Natalia von Korsch
Rio - Há um ano, a dona de casa Helen Silva de Lacerda, 21 anos, passou pelo pior momento de sua vida, quando perdeu o filho de 4 anos, vítima de bala perdida. Ontem, em meio à dor que vem carregando durante todo esse tempo, ela viveu um oásis de alegria ao encontrar o ídolo inspirador, Cauã Reymond, no Projac. O ator global — que interpreta o galã Halley na novela ‘A Favorita’ — abriu uma brecha em sua agenda apertada de gravações para dar um beijo na fã sofrida, cujo filho morto durante tiroteio na Favela da Coréia chamava-se Kauã, uma homenagem ao ator.
Lançando mão da timidez para não cair no choro, Helen não tirou o filho Pablo, de 1 ano, de seu colo durante o encontro. Beijada e abraçada por Cauã, usou poucas — mas sinceras — palavras para classificar os momentos ao lado do ator. “Dia mais feliz que esse só quando meus filhos nasceram. Ele é muito especial”, disse, referindo-se ao jeito carinhoso e espontâneo de Cauã com a trupe, da qual também faziam parte a sogra da dona-de-casa, Rosângela, e uma sobrinha.
O menino que Helen carrega na barriga há seis meses já tem nome, também inspirado no carinho que nutre pelo ator global: Halley. Lisonjeado, Cauã aproveitou para brincar com a fã. “É um grande orgulho ter uma criança com meu nome. Espero que ele não dê tanto trabalho para você quanto eu dei para a mamita”, disse, incorporando o personagem.
Ao fim do encontro, ele ainda mostrou seu lado sentimental ao perguntar, com preocupação, sobre a situação da família, que mora de favor na casa de parentes. Atualmente, Helen e o marido aguardam a ajuda do Estado para recuperar a casa que ganharam da Secretaria de Segurança, em Nova Sepetiba, tomada por invasores.
“Não diminuiu minha dor, mas valeu o dia. Ele provou que merece essa homenagem, com o nome dos meus filhos. Além de ser lindo, é muito sincero e simpático. Ele merece todas as homenagens do mundo”, exagerou Helen.
A mãe de Kauã, do pequeno Pablo e grávida de outro menino torce agora para que o ator, namorado da também atriz Grazi Massafera, seja papai em breve. “Desejo toda a felicidade do mundo. Quero que os dois se casem e tenham muitos filhos. Ele vai ser ótimo pai”, garante uma feliz Helen.
KAUÃ, EM TUPI, SIGNIFICA GAVIÃO E HALLEY É NOME DE UM COMETA
No dicionário dos nomes, Kauã tem origem no tupi e significa gavião. Já Halley é inspirado no cometa que recebeu o nome do astrônomo Edmond Halley, que o batizou em 1696. Para Hellen Tavares, no entanto, os nomes do filho que já se foi e do que ainda está por vir têm apenas uma origem: Cauã Reymond.
“Gosto tanto dele que quando soube que ia encontrá-lo não segurei o grito. Meu marido ficou morrendo de ciúme. Nunca imaginei na vida que fosse encontrá-lo, fiquei muito feliz”, disse Helen. Agora que realizou seu sonho, ela, que perdeu tudo em um tiroteio na Favela da Coréia, em 17 de outubro de 2007, concentra-se em recuperar sua vida: “Meu filho não vai voltar. Mas vou juntar todas minhas forças para correr atrás de justiça e, se Deus quiser, conseguirei minha casa de volta”.
A casa em que morava na Favela da Coréia foi atingida por tiros e destruída por granadas durante o confronto. No final do ano passado, a casa cedida pelo governo do estado foi invadida. Agora, ela aguarda uma solução e vive atualmente na casa de parentes.





Grazi comenta relação com a sogra“O jeito é saber conviver e respeitar as diferenças”


Em “Negócio da China”, a personagem de Grazi Massafera, Lívia, não tem uma boa relação com a mãe de Heitor, personagem de Fábio Assunção. Luli Maria não apóia o romance do filho com Lívia e atrapalha no que puder a relação dos dois. Na vida real, Grazi conta que essa relação nora-sogra é bem diferente pra ela. “Me dou super bem com a minha sogra”, diz a atriz, referindo-se à mãe do também ator Cauã Reymond, o Halley de “A Favorita”.
Mas afinal, o que Grazi faz para se dar tão bem com a sogra? A atriz revela que o grande segredo é não entrar em competição pela atenção do amado. Segundo ela, Lívia já tentou uma aproximação com Luli, mas como não conseguiu resultado, desistiu da relação: “A separação dos dois aconteceu por causa das duas sogras”.
A mãe exerce uma forte influência sobre os filhos, mas se o amor é verdadeiro, fica difícil esquecer o outro só porque não agrada a mãe. Será que dá para ser feliz em uma relação indesejada pela sogra? Para Grazi, ninguém precisa interferir na relação dos outros, mas, se as pessoas se amam de verdade, nada atrapalha. “A melhor opção é o casal ter o seu próprio cantinho. Quando isso não é possível, o jeito é saber conviver e respeitar as diferenças”.




Só vai dar Grazi Massafera neste verão
Atriz está à frente de uma campanha de produtos para proteger a pele do sol

O verão chega oficialmente daqui a um mês e meio. Mas a atriz Grazi Massafera já está a frente de uma campanha da L'Oréal. A marca francesa a coloca como garota-propaganda de uma linha de proteção para a pele. E é assim, de biquíni e, para variar, linda, que ela brilha mais uma vez
Ego

sexta-feira, 24 de outubro de 2008


Cauã Reymond é apresentado ao pai de Grazi Massafera
Gilmar esteve no Rio de Janeiro e aprovou o genro, o intérprete de Halley em “A Favorita”

Grazi Massafera e Cauã Reymond já namoram há mais de um ano e mio, mas o galã da novela “A Favorita” ainda não havia conhecido seu sogrão, é o que diz a coluna “Retratos da Vida”, do jornal “Extra”.
O ator conheceu “seu Gilmar” no Rio de Janeiro, há alguns dias, quando o pai da ex-BBB teria vindo fazer uma participação na trama de Miguel Falabella “Negócio da China”.
Segundo a publicação, até então os dois homens da vida de Grazi só se falavam por telefone. De acordo com Gilmar, Cauã estar aprovadíssimo.


Abril.com

'Ele é 10. Está aprovadíssimo', diz Gilmar, pai de Grazi, sobre Cauã

Em entrevista à coluna 'Retratos da Vida', do jornal 'Extra', pai de Grazi Massafera fala do primeiro encontro com o namorado da filha

Depois de um ano e meio de namoro com Grazi Massafera, o ator Cauã Reymond finalmente conheceu o pai da moça, Gilmar.
Segundo a coluna "Retratos da Vida", do jornal "Extra", o encontro foi há poucos dias, no Rio. O pai da moça, que vive em Jacarezinho, no Paraná, veio à cidade gravar uma participação na novela "Negócio da China", na qual Grazi é protagonista, e aproveitou para ter uma conversa com o namorado da filha.

"A gente só se falava pelo telefone. Gostei muito dele. Ele é 10. Está aprovadíssimo", disse Gilmar à coluna

domingo, 19 de outubro de 2008

Cauã Reymond causa tumulto em desfile em shopping carioca


Multidão de fãs tentou agarrar o ator, que desfilou pela TNG





Cauã Reymond sofreu para chegar ao camarim e à passarela da Semana de Moda do Shopping Tijuca, nesta sexta-feira, no Rio. As fãs tentaram a todo custo tirar uma casquinha do ator, que deu beijos e cumprimentou as fãs. Bom moço...

Postagem:: Fernando Reymond


Marisa Monte e Kid Abelha fazem parte da vida de Cauã Reymond e Grazi Massafera


Cauã Reymond está feliz da vida! Os motivos? Sim, porque são dois:
O primeiro, seu momento profissional, com o ambicioso Halley de A Favorita, com quem está fazendo sucesso e ganhando notoriedade. O outro motivo é, sem dúvida, seu namoro com a bela e simpática ex-BBB e atriz, Grazi Massafera.
Junto há um ano e cinco meses, o casal, que está sempre de mãos dadas e sempre demonstrando afeto um pelo outro, tem até trilha sonora para celebrar o seu romance.
Em conversa com OFuxico, Cauã revela que são várias as músicas e cantores que registram esse tempo de relacionamento, mas dois artistas em especial fazem parte de seu repertório musical:
“Temos várias músicas, mas não vou contar. Se são nossas músicas, são nossas, né? Mas, existem dois artistas que gostamos e ouvimos sempre: Kid Abelha e Marisa Monte. Posso dizer que fazem parte da nossa história”, declara Cauã, em tom apaixonado


Ofuxico

O povo gosta de botar polêmica na minha vida. É minha cruz’, diz Grazi


Atriz falou sobre ser protagonista em “Negócio da China”, e também sobre o namoro com Cauã Reymond


Grazi Massafera: ela só quer um pouco de sossego e o amor de Cauã
Ela é protagonista de "Negócio da China", mas também é uma ex-BBB. Essa mistura, segundo Grazi Massafera, é o combustível ideal para que ela esteja sempre envolvida em polêmica, para que tudo seja super dimensionado em sua vida. Pelo menos foi isso que ela contou à revista “Tudo de Bom”, do jornal carioca, “O Dia”, deste domingo, 19. “A protagonista é o fio condutor da história, mas não brilha mais por isso. As pessoas adoram jogar quilos na suas costas. Acho cruel me pegarem para ser Jesus”, desabafou ela, que falou também sobre o fato de ter tido que regravar cenas no início da novela. “Não estou querendo me justificar, mas é a coisa mais normal um ator ter que regravar cenas em começo de novela. Só que ficou público. As coisas que acontecem comigo sempre viram polêmica ou ficam maiores do que realmente são. Estou aprendendo a lidar com isso. É minha cruz”, diz.

"Cauã representa meu futuro"


Já quando o assunto é o namorado Cauã Reymond, os olhos da loira brilham. “Cauã representa o meu futuro”, diz ela para em seguida dizer que está fazendo um test drive com o namorado pelo fato de morar praticamente junto com o ator. “A gente praticamente mora junto, só que em casas separadas”, brinca.


EGO

sábado, 18 de outubro de 2008

Recordar é Viver

Algumas Fotos antigas de Cauã Reymond







Fonte: Orkut Fernando Reymond


Desfile

terça-feira, 14 de outubro de 2008



Com Grazi, Cauã Reymond vibra por vitória de seu filme

No filme, ele interpreta um jornalista endividado

O ator não conteve a empolgação

Mesmo ocupada com as gravações de Negócio da China, da Globo, Grazi Massafera conseguiu uma folga para acompanhar o namorado Cauã Reymond no encerramento do Festival do Rio, na noite desta quinta-feira.
Sem lugar no cinema Odeon, onde aconteceu a cerimônia de premiação do evento, Grazi se sentou no colo de Reymond. O namorado, por sua vez, não conteve a empolgação ao ouvir o nome de seu último filme, Se Nada Mais Der Certo, ser anunciado o vencedor do festival na categoria Melhor Longa de Ficção.
No filme, ele interpreta um jornalista endividado que participa de golpes armados pela personagem Marcin, da atriz Caroline Abras, entre outros.
Também foram premiados no festival os atores Daniel Oliveira (Melhor Ator por A Festa da Menina Morta) e Matheus Nachtergaele (Melhor Direção por A Festa da Menina Morta).


Triubuna do Paraná






Grazi torce com Cauã Reymond no Festival do Rio


Cauã Reymond, que fez parte do elenco de Se Nada Mais Der Certo, estava na torcida pelo filme no encerramento do Festival do Rio, que aconteceu nessa quinta-feira (9/10/2008), no Cine Odeon Petrobras. O galã contou com o apoio da namorada Grazi Massafera, que foi ao local só para prestigiá-lo. ''Vim aqui para dar um abraço. Eu estava gravando, vim às pressas, e agora já estou indo correndo porque amanhã cedo é tudo de novo. Começo a gravar às 7h. Estou trabalhando bastante, mas é bem gostoso'', contou a protagonista de Negócio da China.

O casal vibrou na platéia do festival, ao saber que o filme faturou o principal prêmio da noite, o Troféu Redentor de melhor longa de ficção, e também o de melhor atriz, para Caroline Abras. O ator subiu ao palco para comemorar com a equipe. ''Foi uma batalha muito grande para fazer esse filme, com baixo orçamento é difícil. A gente sempre torce'', disse Cauã, orgulhoso.
Contigo

terça-feira, 7 de outubro de 2008


Grazi Massafera vive mulher fatal em ensaio para revista



Atriz mostra sua sensualidade na capa da "Homem Vogue"
Grazi Massafera deixa de lado o jeitinho de menina doce do interior e ganha ares de mulher fatal na capa e recheio da edição de outubro da “Homem Vogue”. “Só poso para fotos sensuais para ganhar o suficiente para ter tranqüilidade e poder me dedicar àquilo de que gosto”, diz a decidida atriz, protagonista da nova novela das 6, “Negócio da China”. Grazi também fala das dificuldades que está enfrentando em seu maior desafio na carreira até agora: viver a mocinha da trama de Miguel Falabella. “Agora a coisa está ficando séria. Estou precisando aprender mais, e aperfeiçoar o meu trabalho.”, afirma ela, que acredita estar mais preparada para atuar.

LOCAÇÃO E MODELO PARADISÍACAS


Grazi Massafera, a namorada de Cauã Reymond, foi clicada por Christian Gaul em Arraial do Cabo, no Rio de Janeiro. A paisagem, entretanto, não consegue competir com a beleza e as curvas da atriz.

segunda-feira, 6 de outubro de 2008


Grazi Massafera ganha carta de fã em aeroporto
Atriz se mostrou simpática diante do assédio de fotógrafos no Rio


Grazi Massafera se mostrou simpática ao assédio dos paparazzi e de um fã na tarde desta segunda-feira, no aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro. A atriz, que acabou de estrear na TV como protagonista da novela "Negócio da China", estava sem a companhia do namorado, Cauã Reymond. Carregando algumas sacolas e uma pequena mala, ela falou ao celular após chegar ao Rio vinda de São Paulo.
Cauã Reymond lança filme ao lado de Grazi Massafera
Casal não se separou durante a sessão de 'Se nada mais der certo', neste sábado, 4, no Festival do Rio



O casal Cauã Reymond e Grazi Massafera marcou presença no lançamento do filme ‘Se nada mais der certo’, na noite deste sábado, 4, no Cine Palácio, no Centro do Rio. O ator faz parte do elenco do longa, que está sendo lançado no Festival do Rio.

sexta-feira, 3 de outubro de 2008


Cauã escreve poema para Grazi: "Ela me fez esquecer a civilização"

Apaixonado declarado, Cauã Reymond deixou seu lado escritor aflorar e escreveu um poema para sua amada, a atriz Grazi Massafera. O resultado ele mostra na revista Marie Claire deste mês:

"Se a Grazi fosse uma flor, ela seria um girassol/Se ela fosse um caminho, me levaria para o alto/E se ela tivesse vista, seria vista para o mar/Eu também gosto de pensar nela como uma montanha, ainda cercada por mata atlântica em que, sem querer, eu encontrei a trilha/Subi e não quis mais voltar. Ela me fez esquecer a civilização."

A publicação aproveitou a estreia de Grazi como protagonista de uma novela ("Negócio da China, da Rede Globo") e reuniu depoimentos de amigos e familiares para tentar descobrir o que a ex-BBB tem de tão único. Os elogios pipocaram: "Ela é intuitiva, talentosa e dedicada. Além disso, ela tem borogodó, um adjetivo que a ciência ainda não explica", diz Luciano Huck.

Considerada uma das mais belas mulheres do País e dona de curvas impecáveis, a atriz também foi alvo de Ana Lima. As duas se conheceram durante as gravações de "Desejo Proibido" e, desde então, tornaram-se amigas inseparáveis: "Adoramos sair para comer. Ela é realmente boa de prato. Daquelas que pedem para aumentar a porção. Come de tudo e não tem frescura. Mesmo de madrugada, já vi a Grazi devorando lasanha e macarrão à bolonhesa.


Cauã Reymond e Taís Araújo também estiveram na estréia de musical


Wallace Barbosa



Já Cauã, que também foi sem a companhia da namorada, Grazi Massafera, explicou que ela não pôde ir porque estava trabalhando. “Ela está nervosa com a estréia da novela na segunda-feira (6), mas é normal por ser sua primeira protagonista. Ela está sendo bem assessorada e isso é o que importa”, disse o ator, que estréia no próximo sábado (4) com o filme “Se nada mais der certo” no Festival do Rio 2008.

quarta-feira, 1 de outubro de 2008

Entrevista :: Revista Quem Acontece ::



“A gente é arrogante, depois fica humilde”



Aos 28 anos, Cauã Reymond vive seu segundo sedutor descamisado em horário nobre, o Halley, de A Favorita. Aqui, ele fala do sucesso do personagem, das fofocas de bastidores e dos planos para o futuro – na carreira e na vida, ao lado de Grazi Massafera







Cauã Reymond chega no horário marcado para a entrevista, cumprimenta a equipe, pede um copo de água e desliga o celular. No sofá da suíte de um hotel na Barra da Tijuca, o ator começa o papo falando de seu atual personagem, o Halley da novela A Favorita. Ele gesticula pouco e não sorri. “Você está de mau humor hoje, eu te conheço”, diz sua assessora, Camila Lamoglia. Cauã nega, mas continua sério. “Não consegui dormir ontem. Fui fazer um evento em Brasília e não preguei os olhos no hotel”, justifica. Aos 28 anos, ele está em sua sexta novela e, mais uma vez, interpretando um papel que exige cenas sem camisa. “Sei que vai chegar a hora de fazer papéis mais sérios”, diz, um pouco mais relaxado. Se a TV só lhe oferece personagens sensuais, no cinema ele vai treinando a veia dramática. Em novembro, estréia Se Nada Der Certo, de José Eduardo Belmonte, em que vive um jornalista falido. Ele também está no elenco de outros dois filmes, com lançamento marcado para 2009: O Divã, de José Alvarenga, em que interpreta um clubber, e À Deriva, de Heitor Dhalia, em que faz um barman.




Mais alguns minutos e Cauã abre, enfim, seu primeiro sorriso. É para falar de Grazi Massafera, sua namorada desde abril do ano passado. “Todo mundo quer saber quando vamos nos casar e ter filhos. Não sei responder, mas garanto que este é o meu relacionamento mais sério até hoje.” O rosto se fecha novamente quando o tema são os boatos de que estaria se envolvendo com a colega de cena Mariana Ximenes. “Não é que isso cause ciúme em casa, tem um entendimento. Assim como a Grazi vai beijar o Fábio Assunção na novela dela e eu terei que entender”, afirma.





QUEM: Quando acabou Belíssima, em 2006, você declarou que evitaria personagens malandros, que abusam da sensualidade. Não é isso o que você faz agora?


CAUÃ REYMOND: Quando aceitei fazer o Halley, passou pela minha cabeça isso que falei antes, sim. Não sou um cara sem memória. Mas é um personagem que tem uma veia cômica, é diferente do Mateus de Belíssima. Está sendo muito boa a repercussão, em termos de público e de crítica. É o meu primeiro trabalho que tem essa união dos dois lados. Mas, no futuro, sei que vai aparecer algo diferente.



QUEM: Desde que a novela estreou, surgiram boatos de que você se envolveu com Taís Araújo, Mariana Ximenes, Emanuelle Araújo e Deborah Secco. Como lida com isso?



CR: Da mesma forma que... Sei lá, o que vou fazer? Estou trabalhando. Depois que começaram os comentários, eu sabia que não iam parar. Na outra novela, rolou química entre o Wagner Moura e a Camila Pitanga, e nem por isso falaram que eles estavam namorando.




QUEM: E a que se deve essa química sua com a Mariana Ximenes?


CR: Química é inexplicável. Acontece ou não. Talvez seja a maturidade que estou tendo como ator. Estou mais seguro no que faço. Não vou mentir para você. Eu e Mariana nos divertimos muito, mas me divirto ainda mais no núcleo do Iran Malfitano e da Deborah Secco, porque dá para brincar e inventar coisas. Com a Mariana é mais drama (neste momento, a assessora Camila Lamoglia o interrompe para avisar que Fábio Assunção ligou para lhe dar parabéns pelo desempenho na novela).



QUEM: Comenta-se que você e Grazi têm brigado por causa desses boatos.


CR: Ah, ciúme é normal. A gente, em um mês, se separou, eu me casei com a Mariana, me separei da Mariana, voltei com a Grazi, vou casar em janeiro com ela, marcaram a data e nos avisaram pelos jornais... Se eu for prestar atenção nisso, não decoro meu texto. Existe um entendimento no começo da relação que é a confiança de ambos os lados. Grazi vai começar uma novela, vai sair beijando um monte de homem bonito, faz parte.


QUEM: Você vai sentir ciúme das cenas dela?


CR: Claro, pô! Imagina ter que ficar vendo aquele beijão dela no Fábio Assunção todo dia?! Já está no ar, nas chamadas da novela. Quando vejo, dou uma viradinha para o lado e depois volto (risos). Olha, em casa, procuramos conversar sobre tudo, e não só sobre trabalho. Se ela fosse dentista e eu engenheiro, a gente estaria junto mesmo assim.



QUEM: A aliança que você usa é de noivado?


CR: Troquei este anel há três meses com meu irmão, Pavel, como símbolo de irmandade (mostra o dedo mindinho da mão esquerda). Com a Grazi, uso uma aliança, mas saí atrasado da gravação e deixei tudo no estúdio. Não é de noivado, mas é um símbolo de carinho e amor.




Na vida real Da esq. para dir: Cauã com Alinne Moraes, que namorou por quase três anos. No meio, o ator e a modelo Lise Grendene, com quem teve um romance antes de começar o relacionamento com Grazi Massafera (última foto)





QUEM: Pensa em se casar com ela?


CR: Você me pergunta: “Quer casar?” Eu digo: “Quero”. Daí, você pergunta em seguida: “Quando?” Eu não sei quando. Aí, vão publicar que eu não sei quando vou me casar. Pula essa, então. Não vai ser daqui a dez anos, mas pode ser daqui a dois, cinco anos. Também é mentira que meu sogro estaria nos pressionando pelo casamento, ele é muito querido. Já tentei ir duas vezes a Jacarezinho (interior do Paraná, onde mora a família de Grazi), mas a agenda não permitiu.


QUEM: O que a Grazi representa na sua vida?


CR: Ai, isso não é justo, hein (risos)! Ela representa tanta coisa! Ela é maturidade. Quando duas pessoas estão juntas, é uma escolha dos dois. Grazi é uma grande escolha na minha vida. Este é o meu relacionamento mais maduro. E não abro mão dessa escolha. É cada vez mais difícil você se relacionar quando é jovem, mas tanto eu quanto ela fizemos essa escolha de estarmos juntos.



QUEM: Há algumas semanas, você foi homenageado no quadro Arquivo Confidencial, do Domingão do Faustão, e chorou. Você é sempre assim?


CR: Sou emotivo, muito chorão, sim. E sou um cara bastante família, preocupado com as pessoas. Não dá para sair chorando em público, mas choro se for ver um filme lindo, por exemplo. Aí, se o paparazzo me pega na saída do cinema, já vai falar que briguei com a Grazi (risos). É por isso que, se tiver que chorar, vou para o carro ou espero chegar em casa.



QUEM: Em novembro de 2006, você disse a QUEM que gostava de se ver no espelho. Ainda é assim?

CR: Lembro dessa entrevista, a chamada foi “Quando me olho nu no espelho, gosto do que vejo”. Guardei essa revista, vocês acabaram comigo (risos)! A gente vive numa sociedade extremamente preocupada com dinheiro, plásticas, lipo, sexo, performance... Infelizmente, as pessoas estão preocupadas com o modo como elas parecem para o mundo, e não com o que elas sentem de verdade. Mas esse pensamento meu não interessa a vocês, da imprensa...






Da esq. Para dir.: A estréia, em 2002, como o MauMau, em Malhação. A primeira novela, Da Cor do Pecado, em que viveu Thor, um dos cinco filhos da personagem vivida por Rosi Campos. Como o pescador Floriano, em Como Uma Onda (2004).





QUEM: Vamos falar de sexo, então. O que você acha das mulheres que fazem sexo no primeiro encontro?



CR: Faz parte. Já namorei pessoas com quem me encontrei e tive uma relação logo de cara. E nem por isso achei que aquilo não fosse sério, interessante.



QUEM: O que o faz perder o tesão na hora H?



CR: Nada! Para chegar na hora H, já aconteceu tanta coisa! Já namorei, paquerei, conversei. Nunca voltei atrás na hora H. Perco o interesse pela outra pessoa se perceber mentira, falsidade. Mas isso é bem antes de levá-la para a cama (risos).



QUEM: O Halley mora num prostíbulo. Você já freqüentou esse tipo de lugar?



CR: Não. Ainda mais um prostíbulo como aquele, em que ele mora com a mãe! QUEM: Já foi traído? CR: Com certeza, mas só soube bem depois que aconteceu. Fiquei tão chateado... Foi antes de ser famoso, tinha uns 20 anos. Perdoei depois, dá raiva só na hora. Dos 18 aos 30, não dá para pedir às pessoas que lidem com exatidão. A gente é arrogante e depois fica humilde.



Da esq. Para dir.: Em Belíssima, como o garoto de programa Mateus, papel que lhe rendeu destaque. No folhetim das 6 Eterna Magia. No papel atual, em A Favorita, como Halley.




Postagem: Fernando Reymond

Cauã Reymond é capa da " Revista Quem Acontece "


Cauã Reymond, o Halley de "A Favorita", fala do sucesso do personagem, das fofocas de bastidores e dos planos para o futuro ao lado da namorada, Grazi Massafera .
Postagem : Fernando Reymond

Cauã Reymond circula com aliança na mão esquerda

“Não estamos morando juntos, mas é como se fôssemos casados”, contou


Cauã Reymond chamou atenção ao circular com uma vistosa aliança na mão esquerda durante a festa de lançamento da novela “Negócio da China”, realizada no domingo (28), em São Paulo.
O ator, que interpreta o Halley em “A Favorita”, esteve no evento para acompanhar a namorada, Grazi Massafera, e não pareceu incomodado com as perguntas sobre o acessório.
“Não estamos morando juntos, mas é como se fôssemos casados, dormimos juntos todos os dias e estamos usando esta aliança”, contou, mostrando a mão.
Nervosa com sua estréia como protagonista da trama de Miguel Falabella, Grazi chegou ao Buddha Bar sem a sua aliança.
"Eu tenho a minha também. Ele me deu, mas ficou no hotel. Tirei para tomar banho", contou, afirmando que se sente casada, embora não tenha oficializado a união. “Ainda não temos uma data, nada assim. Quando for casar, eu aviso”, finalizou a atriz, que em “Negócio da China”, será um dos vértices do triângulo amoroso composto por Fábio Assunção e Ricardo Pereira.
Fonte: Revista Quem ( Quem News)
Postagem:: Fernando Reymond

Cauã Reymond comenta declaração de Murilo Benício sobre paparazzi

“Se não quero aparecer, não vou onde eles estão”, afirmou o ator



O ator Cauã Reymond comentou a declaração do colega de elenco Murilo Benício, que afirmou durante evento realizado na sexta-feira (26) desejar “que todos os paparazzi morressem até o final do ano”.

“Eu lido muito bem com eles, faz parte do meu trabalho. Se não quero aparecer, não vou onde eles estão”, afirmou ele no domingo (28), durante a festa de lançamento da novela “Negócio da China”, protagonizada pela namorada, Grazi Massafera.

De acordo com Cauã, que interpreta o personagem Halley na novela “A Favorita”, a presença constante dos fotógrafos tem seus prós e contras, mas não chega a modificar sua rotina. “Lógico que não é todo dia que eu estou a fim de ver minha foto estampada nos sites, sem camisa, saindo do mar. Mas também não vou mentir que fico feliz quando vejo que um fotógrafo clicou bem no momento em que eu peguei aquela onda incrível”, contou, bem-humorado.




Fonte : Revista Quem ( Quem News )
Postagem: Fernando Reymond